Arquivo para História

Teleologia

Posted in Momento Sr. Saraiva, Olhares with tags , , on 18/04/2013 by Kilminster

Quando entrei na faculdade de História, tempos atrás, uma dos primeiros conceitos com os quais tive que me familiarizar foi o de “teleologia”.

E o que vem a ser isto?

Simples: Aplicado ao contexto da produção historiográfica debatida naquelas aulas, teleologia, diziam meus professores, era o ato de se direcionar um estudo para que este chegasse a uma conclusão preestabelecida. Ou seja, iniciar e conduzir a produção de uma tese para qual já havia uma resposta e uma conclusão desejada.

Dentro do universo da pesquisa em História, tal atitude é impensável, pois o desenvolvimento de um trabalho leva a descobertas que tanto podem confirmar quanto invalidar a hipótese inicial, portanto, um estudo voltado simplesmente para confirmar uma conclusão predeterminada carece de isenção e acuidade científica.

Aplicado a certos jornalismos, vemos que o conceito de teleologia, como apresentado acima, é largamente utilizado.

A seletividade ao se determinar o que merece e o que não merece destaque nos grandes veículos de comunicação demonstra claramente que sempre há intenção de se confirmar uma idéia preconcebida.

Adjetivos autoaplicados pelos veículos de comunicação como “isenção”, “imparcialidade” e o mais complicado, “verdade”, caem por terra à primeira observação.

A História não é escrita partindo-se do fim.