Personagens da Pelada

Todo mundo que se arrisca a uns chutinhos na pelada, sabe que existem algumas personas nas quais sempre tem alguém que se enquadra. Impressionante como só mudam os atores, os personagens são sempre os mesmos.

O Juiz: Esse é o semeador da discórdia. Todo mundo sabe que na pelada não tem juiz, é “Pediu, parou”. Mas ele não. Ele cria polêmica, briga por lateral, diz que foi mão quando foi no peito. Inferniza qualquer pelada.

O Joystick: É aquele cara chato que acha que pode controlar os outros como em um videogame. “Volta”, “Chuta”, “Toca lá”, são as frases que mais ouvimos dessa figura. Normalmente fica irritadíssimo se receber qualquer instrução de outro jogador.

O Cone: É sempre um tiozinho, ou alguém muito fora de forma. Como não consegue correr, fica parado em algum setor do campo. Não consegue pegar bolas em progressão, então, mesmo que você o ponha na cara do gol, se a bola não for no pé, ele vai chiar.

O Grosso: Ele até joga bem, só não sabe dominar, driblar, chutar ou passar. Fora isso, tudo bem. A principal característica é a assiduidade. Um grosso nunca falta. Ele está sempre lá. Chega cedo, aquece e fica lá, enquanto os outros brigam para não ficarem com ele no time.

O Pelé: O gênio da bola. Este cidadão é incapaz de fazer uma jogada simples e eficiente. Isso é pouco para ele. Ele precisa fazer mais, precisa manifestar sua genialidade, mostrar que é bom e embasbacar a platéia. Tem que dar um toquinho a mais, uma pedaladinha, uma ginga e perder a bola.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: